sábado, 5 de novembro de 2011

LITURGIA DAS 12 HS DE QUINTA-FEIRA

 EM PRIMEIRA PESSOA, QUE TORNA MAIS AGRADÁVEL A RECITAÇÃO INDIVIDUAL.

HINO das doze horas – 1ª opção

Ó Deus, verdade e força, que o mundo governais, da aurora ao meio-dia, a terra iluminais. De nós se afaste a ira, a discórdia e a divisão. Ao corpo dai saúde, e paz ao coração. Ouvi-nos, Pai bondoso, por Cristo Salvador, que vive com o Espírito convosco pelo Amor.

HINO das doze horas – 2ª opção

Canto, Senhor Deus, o vosso louvor, com fervor no coração, pois agora a hora sexta nos convida à oração, Nesta hora foi-nos dada gloriosa Salvação pela morte do Cordeiro, que na cruz trouxe o perdão. Ante o brilho de tal luz se faz sombra o meio-dia. Tanta graça e tanto brilho venho haurir, com alegria. Seja dada a glória ao Pai e ao seu Único também, com o Espírito Paráclito, pelos séculos. Amém.

SALMO 118,113-120 – PARTE XVMEDITAÇÃO SOBRE A PALAVRA DE DEUS NA LEI (“Felizes os que ouvem a palavra de Deus e a observam” - Lc 11,27)

1ª ANTÍFONA – SUSTENTAI-ME, Ó SENHOR, E VIVEREI COMO DISSESTES!

Detesto os corações fingidos, mas muito amo, ó Senhor, a vossa lei! Sois meu protetor e meu escudo,vossa palavra é para mim a esperança. Longe de mim os perversos! Que se afastem, pois quero guardar os vossos mandamentos, Senhor meu Deus! Sustentai-me e viverei como dissestes. Não decepcioneis minha esperança! Amparai-me! Sustentai-me e serei salvo, e sempre exultarei em vossa lei! Desprezais os que abandonam vossas ordens, pois seus planos são engano e ilusão! Rejeitais como lixo os pecadores, por isso eu amo ainda mais a vossa Aliança! Perante vós sinto tremer a minha carne, porque temo o vosso justo julgamento! Glória.

SALMO 55,2-7B.9-14 CONFIANÇA NA PALAVRA DO SENHOR (“Neste salmo se manifesta o Cristo em sua Paixão” -São Jerônimo)

2ª ANTÍFONAÉ NO SENHOR QUE EU CONFIO E NADA TEMO: QUE PODERIA CONTRA MIM UM SER MORTAL?

Tende pena e compaixão de mim, ó Deus, pois há tantos que me calcam sob os pés, e agressores me oprimem todo dia! Meus inimigos de contínuo me espezinham; são numerosos os que lutam contra mim! Quando o medo me invadir, ó Deus Altíssimo, porei em vós a minha inteira confiança! Confio em vós, Senhor Deus, e louvarei vossa promessa! É em vós, ó Senhor, que confio e nada temo: o que poderia contra mim um ser mortal? Eles falam contra mim o dia inteiro, desejando-me somente o mal! Armam-me ciladas, seguem meus passos, me espreitam reunidos, perseguem a minha vida! (...) Registrastes cada passo do meu exílio, recolhestes cada lágrima minha em vosso odre, e anotastes tudo isso em vosso livro. Meus inimigos haverão de recuar em qualquer dia em que eu vos invocar; tenho certeza de que estais comigo! Confio em vós, Senhor Deus e louvarei vossa promessa! É em vós, Senhor que eu confio e nada temo: Que poderia contra mim um ser mortal? Devo cumprir, Senhor, os votos que vos fiz, e vos oferto um sacrifício de louvor, porque arrancastes minha vida da morte e não deixastes os meus pés escorregarem, para que eu ande em vossa presença, Senhor, na luz da vida. Glória.

SALMO 78, 1-5.8-11.13LAMENTAÇÃO SOBRE JERUSALÉM (“Ah! Se neste dia também tu conhecesses a mensagem de paz!” Lc 19,42)

3ª ANTÍFONA- AJUDAI-NOS, NOSSO DEUS E SALVADOR, POR VOSSO NOME, PERDOAI NOSSOS PECADOS!

Os fiéis profanaram vossa herança, Senhor, profanaram o vosso templo, reduziram Jerusalém a ruínas! Os cadáveres dos vossos servidores foram lançados aos abutres! Os corpos dos fiéis, vossos eleitos, foram lançados às feras da floresta. Derramaram o seu sangue como água em torno das muralhas de Sião, e não houve quem os sepultasse! Tornamo-nos o opróbrio dos vizinhos, um objeto de desprezo e zombaria para os povos e aos que nos cercam. Mas até quando, ó senhor, veremos isto? Conservareis eternamente a vossa ira? Como fogo arderá a vossa cólera?(...) Não lembreis as nossa culpas do passado, mas venha logo sobre nós vossa bondade, pois estamos humilhados em extremo. Ajudai-nos, nosso Deus e Salvador! Por vosso nome e por vossa glória, libertai-nos, perdoai nossos pecados! Por que se há de dizer entre os pagãos: “Onde se encontra o seu Deus? Onde ele está?“ Diante deles que os nossos olhos vejam a vingança que tirais por vossos servos, pelo sangue que derramaram. Até vós chegue o gemido dos cativos: libertai com vosso braço poderoso os que foram condenados a morrer(...) Quanto a nós, vosso rebanho e vosso povo, celebraremos vosso nome para sempre, de geração em geração vos louvaremos! Glória

ORAÇÃO DO DIA E LEITURAS: VER SITE 
http://liturgiadashoras.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DIGITE AQUI O SEU COMENTÁRIO